Sábado, 21 de Julho de 2018
DESENVOLVENDO O CONHECIMENTO PARA O MERCADO DO LUXO
EMPRESA AFILIADA A
Claudio Diniz   |   Notícias   |   Fotos   |   Vídeos   |   Artigos   |   Contato
 
/Notícias
11 JAN
2018
4 vinícolas biodinâmicas de luxo para conhecer no Chile

Imagine relaxar em uma piscina infinita, enquanto observa os vinhedos do Vale do Colchagua, antes de ter um banquete com vinhos famosos, todo feito com os produtos do jardim. No final, ir para a sua “casita” e dormir. Esses são apenas alguns dos prazeres luxuosos que se pode experimentar nas vinícolas biodinâmicas do Chile, muitas das quais localizadas a apenas uma hora de viagem da capital Santiago.

Vinícolas biodinâmicas combinam agricultura orgânica com outras práticas relacionadas à saúde do vinhedo, que incluem plantação de companhia, criação de animais e seguir o calendário lunar para semeadura e colheita.

Veja a seguir, 4 vinícolas biodinâmicas no Chile que proporcionam experiências luxuosas:



Lapostolle & Clos Apalta Residence





O lema na Lapostolle é: “essência francesa, origem chilena”, ideal para a vinícola criada em 1994 por Alexandra Marnier Lapostolle, tataraneta do criador do licor Grand Marnier na França, em 1880.

Localizado nas colinas acima dos vinhedos Apalta, no Vale do Colchagua, está o Clos Apalta Residence, hotel Relais & Châteaux, formado por quatro “casitas” privadas e um edifício central, onde fica o restaurante, lounges internos e externos e uma piscina infinita que permite a visão completa do vale. As quatro casas possuem vista para os vinhedos, um jardim e terraço privados e banheiras. Cada quarto tem o nome de uma das quatro uvas usadas na produção do vinho Clos Apalta e tem elementos de cores que as refletem.

Os hóspedes podem andar à cavalo, caminhar ou pedalar pelas montanhas, além de ter um churrasco nos vinhedos. Logo abaixo da residência, é possível visitar lhamas, ovelhas, macacos e patos. Para experiências mais calmas, o hotel conta com serviços de massagem a aulas de ioga, e o jantar no restaurante, com produtos orgânicos do jardim, acompanhado com as melhores carnes e peixes chilenos, não deve ser perdido. Também é possível visitar a adega de seis andares, construída na encosta da colina e cercada por gigantes barris de madeira, onde é produzido o famoso vinho Lapostolle.



Vinícola Matetic





A família Matetic veio da Croácia em 1892, e quatro gerações depois plantaram o primeiro vinhedo no Vale El Rosario, em San Antonio, em 1992. A plantação passou a ser orgânica em 2002, com o enólogo Rodrigo Soto. “Fui um péssimo aluno na faculdade e aquele com as piores notas era o último a escolher o tema de estudo. Na minha vez, agricultura orgânica era o único tópico não escolhido”, conta.

Em 2013, todos os vinhedos tinham certificação de biodinâmico. A vinícola Matetic, especializada em Syrah, é o cenário perfeito. A bela adega e o porão, feitos pelo arquiteto Laurence Odfjell (cuja família também é dona de um negócio do mesmo ramo), foram construídos do lado da colina, com vista para os vales e o vinhedo.

A vinícola tem o próprio hotel, La Casona, um edifício colonial de 1900 com dez quartos que cercam um jardim e uma piscina.

O Restaurante Equilíbrio, aberto também para não-hóspedes, é de culinária chilena tradicional, preparada com ingredientes locais. Os visitantes podem fazer um tour pela propriedade em uma caminhada, de carro ou de bicicleta, mas, para uma melhor experiência, almoce no Equilíbrio e depois faça uma cavalgada nos vinhedos.



Vinícola Emiliana





É impossível conhecer completamente a produção orgânica e biodinâmica de vinhos sem visitar a Vinícola Emiliana, uma das maiores do Chile. Sob a supervisão da enóloga Noelia Orts, são produzidos vinhos excepcionais com as marcas Gê e Coyam, além de vinhos de entrada orgânicos da marca Natura.

O tour pela companhia no Vale Casablanca inclui caminhada pelos jardins, onde é possível encontrar pavões e outros animais e visitar os vinhedos para aprender sobre as preparações biodinâmicas que nutrem a terra.

O Tour de Degustação Gê, mais exclusivo, inclui visitação às instalações da produção dos vinhos e mais explicações sobre as práticas orgânicas e biodinâmicas, além da degustação de vinhos Coyam e Gê envelhecidos.

Se sentir que tem potencial para ser um enólogo, a Vinícola Emiliana permite a criação de sua própria combinação, com três dos varietais.



Vinícola Odfjell





Apesar da visita ser motivada pelos vinhos, é difícil não se apaixonar logo de cara pelos cavalos Norwegian Fjord, que correm no cercado perto da entrada. Assim como qualquer vinícola biodinâmica, eles também possibilitam a experiência de produção dos vinhos, ao comer ervas daninhas. É possível ainda passear pelo campo com eles.

O norueguês Dan Odfjell começou a plantar seu vinhedo no Vale do Maipo, em 1994. O filho de Dan, o arquiteto Laurence Odfjell, planejou o design da adega com arcos que lembram barcos vikings.

Laurence também arquitetou a adega da Matetic. “Fiz aquela primeiro, aprendi com os meus erros e criei a minha melhor”, conta. As visitas incluem um tour pelo local seguido pela degustação de vinhos, ou uma experiência mais profunda, que inclui uma caminhada nos vinhedos e maior conhecimento sobre práticas sustentáveis.

Fonte: Forbes Brasil



Cadastre-se abaixo:


Nome:
E-mail:
Cargo:
Cidade:
Empresa:
UF:

01/08/2018 Curitiba - PR
Curso Como Funciona o Mercado do Luxo no Brasil com visita a 3 Marcas de Luxo
   R$ 900.00 Mais Informações
15/08/2018 São Paulo - SP
Curso Como Funciona o Mercado do Luxo no Brasil com visita a 3 Marcas de Luxo
   R$ 1100.00 Mais Informações
22/08/2018 Rio de Janeiro - RJ
Curso Como Funciona o Mercado do Luxo no Brasil com visita a 3 Marcas de Luxo
   R$ 1100.00 Mais Informações
 
@maisonduluxebrasil
MAISON DU LUXE EVENTOS LTDA
CNPJ 13.511.231/0001-01
Rio de Janeiro - RJ
 
FALE CONOSCO
(021) 4141-5903
maisonduluxe@mail.com
 
EMPRESA AFILIADA A
@maisonduluxebrasil
@maisonduluxebrasil

© 2018 Todos os direitos reservados - Desenvolvido por EXPECT